quarta-feira, 12 de outubro de 2011



Mandei uma carta de despejo para todos os sentimentos pequenos e desnecessários. Não, eu não sou boazinha, nem mereço uma medalha. É que quando o amor ocupa nossa casa, não sobra espaço pra mais nada.




                                Renata Fagundes

Nenhum comentário:

Postar um comentário